Blog

Vida na Roça, Vida no Céu

Daniel Thame (para Odilon Pinto)   “Querido Odilon,   essa carta chega até você molhada pelas lágrimas de saudade, mas tembém de gratidão. Ah, Odilon. Você nem imagina quantas e quantas vezes nós sentava em torno do rádio, tomando o café,  pra ouvir seu programa e principalmente o quadro Vida na Roça. Eram histórias de amor, de tristeza, da vida dura no campo, mas também de momentos felizes que só você sabia contar. Porque você era um de nós, Odilon. Nós só ia pras roças de cacau depois que seu programa terminava  e já ficava esperando o dia seguinte. A vida...

Ler Mais →

ODILON PINTO, PROFESSOR, ESCRITOR E CONTADOR DE ESTÓRIAS

Nota de Pesar A Via Litterarum Editora lamenta o falecimento do escritor Odilon Pinto de Mesquita Filho, 72 anos, ocorrido no início da noite desta quarta-feira, 13 de janeiro, em Itabuna, Bahia. Grande profissional da comunicação grapiúna, Odilon Pinto de Mesquita Filho nasceu em Teresina, Piauí, no dia 15 de julho de 1948, onde cursou o ginásio e o ensino médio em colégio jesuíta. Em 1966, engaja-se no movimento estudantil contra a ditadura militar entrando, logo a seguir, na militância clandestina, ligado à organização Ação Popular. Participa das lutas camponesas no Maranhão e milita entre os trabalhadores rurais de Camacã,...

Ler Mais →

Academia de Letras da Bahia e Eletrogóes concedem Prêmio ao Escritor Cyro de Mattos

A Academia de Letras da Bahia e a Eletrogóes  concederam o Prêmio Conjunto de Obra deste ano ao escritor Cyro de Mattos, autor baiano (de Itabuna), com cerca de 50 livros pessoais publicados, de diversos gêneros,  organizador de dez antologias, também editado em Portugal, Itália, França, Espanha, Alemanha, Dinamarca e Estados Unidos, além de participar de dezenas antologias no Brasil e exterior. Neste ano, Cyro de Mattos publicou os livros Prosa e Poesia no Sul da Bahia, ensaios, Infância com Bicho e Pesadelo, contos, na Coleção Mestres da Literatura Baiana, e O Discurso do Rio, poesia, em Portugal. O Prêmio...

Ler Mais →

Escritor Cyro de Mattos foi homenageado pela Câmara de Vereadores de Salvador

O escritor e poeta Cyro de Mattos foi distinguido pela Câmara de Vereadores de Salvador com a Medalha Zumbi dos Palmares, em sessão virtual solene realizada no último dia 3 de novembro, às 20 horas. O projeto de outorga da Medalha Zumbi dos Palmares ao escritor baiano é de autoria do jurista e vereador Edvaldo Brito, que é membro da Academia de Letras da Bahia. Autor premiado, Cyro de Mattos pertence a instituições culturais importantes, e, entre elas, a Academia de Letras da Bahia e o Pen Clube do Brasil. Tem no seu currículo um enorme acervo literário, com cerca...

Ler Mais →

50 textos para as 50 faces de um sertanejo multifacetado

O ebook As 50 faces de um sertanejo multifacetado, que reúne 50 textos, 25 de autoria feminina e 25 de autoria masculina, em homenagem a 50 anos de nascimento do escritor Domingos Ailton, organizado pelas professoras Elane Nardotto e Giseli Novais, está sendo publicado pelo selo Caminhos da Editora Via Litteraturam (2020). Com variados estilos de textos, que vão desde artigos de opinião, poemas, crônicas e    literatura de cordel, o livro digital revela vários aspectos da vida, produção literária, militância política e ecológica do escritor, jornalista, ambientalista e professor Domingos Ailton. São autores que residem em Jequié, terra do homenageado,...

Ler Mais →

A crônica em boas mãos

O estofo literário na crônica retira-lhe a condição estrita de texto jornalístico quando então a linguagem objetiva procura informar o fato com precisão e rapidez. Com linguagem concisa e útil, o texto de jornal pretende aproximar do evento os seres humanos onde quer que estejam, para que tomem conhecimento do que acontece no mundo. A crônica ameniza a notícia ou o episódio levado ao leitor sobre a vida diária, de forma que sua atividade subjacente na escrita o cative ou encante com sutilezas e imprevistos. Na crônica de humor, o autor modifi ca com graça a comédia do cotidiano. Na...

Ler Mais →

Libro de Cyro de Mattos Sobre Jorge Amado y Otros Escritores del Sur della Bahia Es Analizado por Alfredo Pérez Alencart en la TV y Radio de Salamanca, en la España

Valiosa es la obra poética y narrativa del brasileño Cyro de Mattos (Itabuna, Bahía, 1939), poeta, narrador, periodista, abogado y miembro de la Academia de Letras de Bahía, quien ha obtenido varios galardones,  como el Premio Nacional Ribeiro Couto, el Premio Afonso Arinos, el Premio Centenario Emílio Mora o el Premio Internacional de Literatura Maestrale Marengo D’oro (Génova). De Mattos tiene obra publicada en Alemania, Francia, Portugal, Rusia, Estados Unidos, México, Dinamarca, Suiza y Italia. Entre sus libros de poesía están Vinte Poemas do Rio, Cancioneiro do Cacau, Ecológico, Vinte e Um Poemas de Amor, Devoto do Campo y Oratório de Natal. Yo mismo traduje...

Ler Mais →

Biblioteca Nacional abre inscrições para seus prêmios literários

A Fundação Biblioteca Nacional abriu as inscrições para os seus prêmios literários que prevê oito categorias: Poesia (Prêmio Alphonsus de Guimaraens), Romance (Prêmio Machado de Assis), Conto (Prêmio Clarice Lispector), Tradução (Prêmio Paulo Rónai), Ensaio Social (Prêmio Sérgio Buarque de Holanda), Ensaio Literário (Prêmio Mario de Andrade), Literatura Infantil (Prêmio Sylvia Orthof) e Literatura Juvenil (Prêmio Glória Pondé). Excepcionalmente, nesta edição, não haverá o prêmio Aloísio Magalhães, que avalia projetos gráficos. Podem concorrer aos prêmios obras publicadas em primeira edição entre 1º de maio de 2019 e 30 de abril de 2020, que tenham sido escritas originalmente em língua portuguesa...

Ler Mais →

WALDENY ANDRADE, JORNALISTA, RADIALISTA, ESCRITOR

WALDENY ANDRADE, JORNALISTA, RADIALISTA, ESCRITOR (1935-2020, nasceu em Boa Nova e faleceu em Ilhéus). WALDENY ANDRADE foi diretor da rádio Jornal, de Itabuna, e do jornal Diário de Itabuna, durante 29 anos, empresas de comunicação, na época, do empresário e ex-prefeito de Itabuna, José Oduque Teixeira. Na eleição de 1969 ficou como primeiro suplente na Câmara de Vereadores de Ilhéus, assumindo, sendo cassado posteriormente, sob alegação de ser subversivo e comunista. Contudo, se afirmou profissionalmente como jornalista e radialista. Ao se aposentar, foi morar em Ilhéus sem se desligar de Itabuna, onde continuou, como eleitor e cidadão atento para o que...

Ler Mais →

0