Gratidão

Teatro na escola tem poesia Infantil de Cyro de Mattos

 

Gratidão (Cyro de Mattos)

Aos poucos que me leem
Dou-me na flor desse canto
Por enquanto encanto
Onde teço e aconteço
E contente agradeço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *