Hozannah: quantas linguagens cabem em uma mulher

R$25,00

Fora de estoque

Categoria:

Detalhes

Peso 0.300 kg
Dimensões 14 × 21 × 0.8 cm
ISBN

978-85-8151-078-1

Edição

Ano de publicação

2013

Nº de Páginas

148

Idioma

Português

Sobre o autor

Josanne Morais

Josanne Morais

Nascida em Salvador– Bahia.

É formada em Pedagogia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), tem Especialização em Psicopedagogia (UESC), Mestrado em Educação (UESC-UFBA) e Doutorado em Educação (UFBA).

Trabalha na UESC, é lotada no Departamento de Filosofia e Ciências Humanas (DFCH), onde também, no momento, atua como vice-diretora. Faz parte da Área de Psicologia e leciona as disciplinas que envolvem: Psicologia da Infância e da Adolescência, Psicologia e Educação, Psicologia da Aprendizagem, Psicologia Cognitiva e Psicologia Social. Dedica-se a estudos na área da linguagem/comportamento humano, tomando como referencial as técnicas adotadas pela análise de discurso e de conteúdo.

É co-autora do livro: ‘Professor e aluno motivado: isto faz a diferença,’ lançado pela Via Litterarum, em Português, (2007), e em Português e Espanhol (2008), e é autora do livro "9 mulheres e 8 janelas: quando vidas reservam silêncios" (2012), publicado pela Via Litterarum.

Hozannah

Filha caçula de Natanael Feitosa e Hesolda Vilela Alencastro Grimmalde, moça estudiosa, religiosa, trabalhadora, que se casou com um homem sem palavra, desonesto, briguento, mulherengo… Mulher que, em meio a um turbilhão de acontecimentos e sentimentos negativos em torno de seu casamento, descobriu-se mãe de três jovens abandonados pelo pai, pela vida e pela sorte.

Esse descobrir-se mãe trouxe-lhe a coragem restauradora, a esperança necessária para continuar vivendo e construindo o seu “ser-mulher”! E nessa construção de “ser-mulher”, percebeu-se linda, inteira, pronta para viver nova vida, novo amor, nova história.

Hozannah permitiu perceber-se e percebendo-se aprendeu que a vida deve ser como um rio… O rio deixa as águas fluírem, contorna obstáculos, permite ao tempo para “deixar-se ser”.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Hozannah: quantas linguagens cabem em uma mulher”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *