A coisificação antrópica no Direito Civil

A coisificação antrópica no Direito Civil

R$10,00

Fora de estoque

Detalhes

Peso 0.200 kg
Dimensões 15 x 22 x 1 cm
ISBN

978-85-65136-01-3

Edição

Ano de Publicação

2015

Nº de Páginas

24

Idioma

Português

Sobre o autor

Paulo Sérgio Bomfim

Paulo Sérgio Bomfim

Advogado, Graduado em Filosofia pela UESC, com habilitação para a docência em Filosofia, Psicologia e Sociologia; Especialista em Direito Processual Civil e Psicopedagogia; Mestre em Cultura e Turismo pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e Professor do Curso de Direito da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) em Itabuna – Bahia e da Faculdade Madre Thaís em Ilhéus (BA); membro acadêmico da AGRAL – Academia Grapiúna de Letras de Itabuna, onde ocupa a cadeira no. 40; membro acadêmico fundador e atual Presidente da ALJUSBA – Academia de Letras Jurídicas do Sul da Bahia, onde ocupa a cadeira de no. 05. Autor do livro “Elucubrações Esparsas – A Cotidianidade Ontologicamente Ressignificada”.

Trata-se de uma análise perfunctória sobre diversos assuntos que adentrarmos pelo universo jurídico intencionalmente pensado, para situar o interlocutor com a sua ideia central. Perceber os fenômenos, isto é, aquilo que aparece, aquilo que os sentidos nos mostram, para além do fenomênico é o nosso propósito.

Neste primeiro volume, o autor remete a nossa atenção para o que ele denominou de coisificação do sujeito nas relações de direito privado, em antinomia com a eterna dicotomia sujeito-objeto, eis que, em sua visão, se estabelece uma confusão que o objetiva, amoldando- o ao escopo patrimonial que é o desiderato maior do Direito Civil.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A coisificação antrópica no Direito Civil”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *